Dúvidas frequentes sobre a continuidade da certificação da sala-cofre da sua empresa (Parte 3/3)

A sala-cofre – NBR 15.247 é uma solução certificada pela ABNT e acreditada pelo INMETRO, portanto após a montagem e o teste de estanqueidade ela recebe a marca de segurança da ABNT (etiqueta de certificação). E se eu tenho uma sala-cofre instalada, como manter a continuidade da certificação?

 

sala-cofre-certificado

Por se tratar de um ambiente estanque, alterações na célula da sala-cofre podem afetar o nível de proteção nas blindagens, tais como: passagens de cabos de dados, elétricos e dutos nas vedações da porta corta-fogo e batente, nos painéis e teto com perfurações indevidas, entre outros.

Conforme definido pela ABNT no Procedimento de Ensaio PE047.7 – Item 7.5 Instalação e Manutenção de salas-cofre:
A instalação e a manutenção das salas-cofre devem ser feitas exclusivamente pela empresa fabricante ou por seu representante autorizado. As manutenções preventivas e corretivas são avaliadas anualmente e caso não tenham sido executadas ou executadas por terceira parte que não seja o próprio fabricante ou seu autorizado, a sala-cofre certificada em questão perde o direito de usar a etiqueta de certificação, passando a ser um produto não conforme. Para voltar a ter o direito de usar a etiqueta de certificação, o proprietário da sala-cofre deve contratar os serviços de manutenção do fabricante ou seu representante autorizado. A sala-cofre em questão deve sofrer analise do fabricante e da ABNT, para avaliar suas características e funcionalidades e um novo teste de estanqueidade deve ser executado.

Portanto, para continuidade da certificação da sala-cofre, as manutenções preventivas e corretivas devem ser realizadas pelo próprio fabricante ou por seu representante autorizado, que inclusive garante o fornecimento de peças originais de reposição.

Algumas das principais vantagens da continuidade da certificação da sala-cofre são os benefícios de proteção do ambiente crítico, garantia do nível de resiliência original e preservação do investimento, entre outros.

Compartilhe: